Guia completo para uma tomada de decisões mais efetiva na empresa

tomada de decisão
12 minutos para ler

Para que uma empresa possa alcançar os resultados preestabelecidos em seu planejamento estratégico, existe a necessidade de buscar por boas estratégias de marketing, ter um gerenciamento financeiro eficaz, além de analisar dados e documentos que permitem uma tomada de decisões mais efetiva no negócio. Por essa razão, compreender os pontos que permitem uma maior competitividade no mercado nesse sentido é essencial para obter resultados mais atrativos.

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para que você entenda o que é a tomada de decisão em um negócio, quais são os tipos principais, além de conferir a importância que isso traz para a empresa. Também explicaremos sobre os documentos contábeis que auxiliam nesse processo, bem como a necessidade de contar com uma consultoria. Continue a leitura e saiba mais!

O que é a tomada de decisões?

A tomada de decisões refere-se a um processo que visa definir algum ponto importante dentro do negócio, seja de qual área for. É uma etapa da gestão que vai envolver um plano de ação a ser executado, a análise dos dados da empresa, além de trazer a participação dos profissionais para obter insights que oferecerão aperfeiçoamento para os produtos e/ou serviços, bem como para o desenvolvimento da empresa.

No entanto, não é indicado que as decisões sejam tomadas de forma rápida e sem um estudo para a análise eficaz do processo. Por essa razão, existe a necessidade de conferir qual é o problema envolvido no contexto, quais são os dados e informações que permitem uma avaliação sobre o gargalo, quais são as alternativas existentes (prós e contras de cada uma delas), além de planejar a implementação dessas alternativas e monitorar continuamente os resultados.

Assim, as chances de obter sucesso aumentam consideravelmente, contribuindo para o crescimento da organização e também para se destacar no mercado como um todo.

Quais são os tipos de tomada de decisões?

Agora que já explicamos o que é a tomada de decisão, chegou o momento de explicarmos os tipos existentes. Confira!

Intuitiva

Devido à experiência de mercado adquirida ao longo dos anos de gestão, é comum obter conhecimento que contribuirá para tomar decisões que impactam a rotina e os resultados de seu negócio. Afinal, situações ocorridas são semelhantes, o que permite uma análise de contextos prévios para definir o melhor caminho a ser seguido.

No entanto, há riscos de considerar apenas a intuição. Vamos a um exemplo prático: o seu negócio deseja investir em uma ferramenta de gestão que permitirá análises e relatórios completos para a empresa. Para a escolha daquele que seria ideal para as suas necessidades, a equipe verificou as funcionalidades de apenas um dele, optando por essa escolha para aplicá-la na rotina.

Apesar de conhecer algumas pontuações que permitem uma visualização ampla de como o software contribuirá para a empresa, é necessário testar outras alternativas existentes, fazer comparações e só decidir pela ideal depois de visualizar qual delas seria mais indicada para a sua realidade, concorda?

Racional

Diferente da tomada de decisão intuitiva, aqui é preciso utilizar a lógica antes de optar por uma decisão concreta. Nesse caso, é feita uma análise de dados, comparações, estudos, entre outras estratégias que contribuirão para chegar a um resultado.

Exemplo: você deseja reestruturar um setor de seu negócio. Antes de executar na prática as mudanças, avaliará diferentes cenários, entenderá o impacto de cada um deles no dia a dia da empresa, além de analisar como essa área atua hoje e quais são os seus gargalos.

Baseada em valores

Esse tipo de tomada de decisão é semelhante ao da intuição. Aqui, a escolha também será feita sem análise de dados concreta. A diferença está no fato de que, nesse cenário, o que será considerado será o que a pessoa acredita ser o certo, ao contrário de decisões espontâneas como na intuitiva.

Colaborativa

Como o próprio nome já diz, o objetivo é que a tomada de decisão seja efetuada pelo time como um todo — e não por uma pessoa só, como no caso da baseada em valores. Esse tipo de decisão é essencial visando o desenvolvimento da empresa, uma vez que os colaboradores têm a vivência necessária em suas funções para trazerem bons insights e permitirem ações mais estratégicas para o crescimento do negócio.

Entre as vantagens desse método, destacam-se:

  • maior quantidade de dados para a análise;
  • decisões mais elaboradas e de acordo com a percepção do trabalho de cada um;
  • decisões mais fáceis de serem implementadas, uma vez que envolve a participação de toda a equipe;
  • motivação para os membros do time.

Baseada em profissionais

Esse tipo de tomada de decisão deve ser priorizado sempre que a equipe não entrar em um consenso. Assim, por meio de profissionais que tenham expertise no mercado e que compreendem diferentes realidades de trabalho, a organização terá a oportunidade de fazer uma escolha que permita os ganhos pretendidos, aumentando as oportunidades de negócio.

Qual a importância de tomar decisões efetivas?

A seguir, selecionamos os ganhos de tomar decisões mais efetivas em um negócio. Confira!

Maior probabilidade de chegar a uma solução

Ao analisar todo o processo de um negócio antes de tomar a decisão eficaz, as probabilidades de chegarem a uma solução que traga resultados esperados aumentam consideravelmente. Exemplo: ao estudar quanto deve ser o investimento em marketing, por exemplo, avaliando todas as pontuações dessa estratégia e entendendo quais delas mais se aplicam ao seu negócio, será mais fácil optar por aquelas que de fato atingirão os objetivos pretendidos pela sua equipe.

Redução de custos

Muitas vezes, é preciso buscar por alternativas que permitem a redução de custos em um negócio sem necessariamente afetar a qualidade dos serviços oferecidos. Nesse sentido, a tomada de decisão contribui para entender quais são os gastos que podem ser cortados, como está o fluxo de caixa da empresa, entre outros pontos que permitirão uma gestão financeira mais saudável.

Como melhorar a tomada de decisão?

Para que os benefícios da tomada de decisão sejam percebidos com maior êxito, é preciso entender estratégias que permitem essa questão. A seguir, selecionamos algumas delas. Veja!

Identifique os problemas

O primeiro passo é identificar os possíveis gargalos existentes em sua empresa. Apesar de parecer uma dica óbvia, esse ponto é essencial para que você consiga analisar quais são as estratégias que trarão melhores resultados para o negócio, como cada equipe contribuirá nesse processo, além de eliminar processos que impedem a produtividade de seu time.

Estabeleça metas

Entre os benefícios de trabalhar com metas, destaca-se o fato de que a equipe poderá trabalhar com um direcionamento mais adequado, vai permitir com que os profissionais possam exercer as suas funções por meio de um senso com prioridade, além de estimular os colaboradores e incentivar o trabalho em conjunto.

Para a tomada de decisão eficaz, é preciso ter os objetivos bem definidos para que as estratégias sejam escolhidas guiadas pelas metas. Afinal, ao contar com a compreensão de onde você pretende alcançar, o caminho para atingir esse resultado será escolhido com maior precisão.

Tenha processos bem alinhados

De nada adianta contar com colaboradores motivados e metas bem definidas se os processos não estiverem alinhados, concorda? Para isso, alguns passos devem ser seguidos. Contar com um bom planejamento é o ponto ideal para que o time possa executar as suas demandas de forma mais estratégica, além de contarem com um direcionamento preciso sobre as suas funções.

Além disso, deve-se evitar a alteração do escopo de trabalho para que não haja retrabalhos na equipe e nem insatisfação dos profissionais. Preocupe-se, ainda, em padronizar processos, além de manter as diferentes áreas alinhadas.

Abra canais de comunicação

É preciso manter continuamente a boa comunicação entre as lideranças e sua equipe, como forma de obter feedbacks sobre o trabalho executado para que haja melhorias no que não vem dando certo. Nesse sentido, destaca-se a organização que enxerga o processo de tomada de decisão como algo fluido, sujeito a modificações e melhorias para atingir os objetivos esperados.

Conte com profissionais qualificados

Conforme abordado, contar com profissionais qualificados contribuirá efetivamente para as decisões de um negócio, justamente por trazer de fora uma experiência com visão mais ampla de mercado, contribuindo para que a empresa se destaque entre os concorrentes.

A consultoria contábil, por exemplo (abordaremos mais detalhadamente sobre ela em outro tópico), trará relatórios que permitem um crescimento confiável do negócio, baseado nos próprios dados da empresa e focando em estratégias que a organização tenha expertise em efetuar.

Quais documentos contábeis auxiliam no processo?

Existem documentos contábeis que auxiliam significativamente para o processo de tomada de decisão. Confira quais são eles!

DRE

O DRE, também conhecido como Demonstração do Resultado do Exercício, refere-se a um documento que visa identificar todas as despesas e receitas de uma empresa em um período em específico. Entre as vantagens de ficar por dentro desse documento, destaca-se a visão clara sobre despesas, gastos e lucros obtidos pelo negócio, o fornecimento de dados importantes para que as decisões sejam tomadas de forma mais efetiva, além de auxiliar no planejamento e no desempenho das lideranças.

Ou seja, por meio desse demonstrativo, a equipe poderá obter informações contábeis de relevância, possibilitando uma avaliação de quais são os setores do negócio que podem ter custos reduzidos.

Balanço patrimonial

O balanço patrimonial refere-se a um documento que vai apresentar qual é a posição da empresa financeiramente e economicamente em determinado período. Por meio dele, a equipe fará o valor contábil dos bens registrados, além de analisar o valor dos fornecedores e acompanhar saldos para o pagamento das contas de um negócio.

Por que a consultoria contábil contribuirá para a tomada de decisão?

Conforme abordamos, a contabilidade na tomada de decisão terá um papel muito importante, uma vez que a expertise de seus profissionais possibilitará uma avaliação precisa de diferentes setores do negócio. Entenda!

Melhor controle financeiro

Entre as vantagens de manter um bom controle financeiro, destacamos principalmente a redução de custos, as informações fiéis para a tomada de decisão, além de trazer mais segurança dos dados de um negócio. No caso de uma contabilidade consultiva, os profissionais permitirão uma melhor organização para que a empresa possa avaliar diferentes cenários, entender a sua atual situação, além de definir estratégias que tragam possibilidades para o crescimento.

Além disso, vai monitorar o fluxo de caixa, o capital de giro, além de avaliar a viabilidade de novos investimentos, bem como alternativas para implementar as ações.

Planejamento tributário

Sabe-se que a área tributária no país passa por constantes mudanças. Nesse cenário, há os riscos de as empresas deixarem algumas regras passarem de lado, há riscos de ter problemas com o fisco, o que pode gerar gastos e até mesmo penalidades mais graves.

Nesse sentido, a consultoria contábil trará uma forma mais eficaz de fazer o planejamento tributário, o que permite uma economia no pagamento de impostos de forma legal, trazendo ganhos financeiros e também possibilitando uma avaliação de diferentes cenários para definir novas estratégias.

Força de trabalho mais estratégica

Caso não conte com o apoio de uma consultoria, consequentemente o seu quadro de colaboradores precisará exercer as funções demandadas para essa equipe. Dessa forma, em vez de direcionar seus esforços para questões estratégicas, os profissionais precisarão preocupar-se com questões burocráticas, o que facilmente é resolvido por quem tenha expertise de mercado e oferecerão relatórios contábeis para a tomada de decisão.

Ao contar com mais tempo livre para efetuarem as suas demandas, consequentemente vai haver uma melhor análise de dados, o que trará impactos positivos para a empresa como um todo. Além disso, as estratégias e inovações implementadas serão utilizadas de forma mais proveitosa pelos colaboradores, o que trará um retorno mais significativo dos investimentos aplicados.

Neste conteúdo, você pôde entender o que é a tomada de decisão, qual é a sua importância para a empresa, além de conferir dicas de como tornar esse processo mais eficaz. O ideal é contar com um bom planejamento, entender quais dos fornecedores permitirão um auxílio mais estratégico para a empresa, além de envolver os profissionais nas ações estudadas. Assim, as chances de se destacar no mercado aumentam consideravelmente.

Conforme percebemos, a consultoria contábil contribuirá efetivamente para esses resultados. Deseja saber um pouco mais sobre o tema? Entre em contato com a gente, converse com a nossa equipe e tire suas dúvidas sobre o assunto. Até a próxima!

CTA ContatoPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário